• Branco Twitter Ícone
  • Branca Ícone LinkedIn
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca ícone do YouTube
  • Branca Ícone Instagram
 

Oscar | "CODA" em Melhor Filme, Will Smith, "Duna" com 6 vitórias; veja os melhores momentos

Atualizado: 29 de mar.

Premiação aconteceu no último domingo (27), e virou assunto nas redes sociais



(Reprodução)



Durante o fim de semana, a cerimônia do Oscar 2022 viralizou na internet pelos mais diversos motivos. A noite que começou morna e sem grandes acontecimentos, terminou como tópico principal dos trending topics. Will Smith, Duna, CODA e tantos outros assuntos ficaram na boca do povo no último domingo (27).


Enquanto que CODA: No Ritmo do Coração ganhou em "Melhor Filme", a cantora Beyoncé fez uma grande performance da trilha sonora de King Richard. A atriz Ariana DeBose venceu como "Melhor Atriz Coadjuvante", e Will conquistou seu troféu como o melhor ator de toda a temporada.



Dessa forma, confira abaixo alguns dos principais momentos do Oscar 2022. Você assistiu à cerimônia do prêmio, ou viu todos os filmes que estavam indicados?


Alguns dos principais momentos do Oscar, na edição de 2022


1- Will Smith vence como "Melhor Ator", e dá tapa em Chris Rock


O principal assunto do Oscar, sem sombra de dúvidas, foi o tapa dado por Will Smith no rosto do comediante Chris Rock. Na ocasião da entrega de uma das categorias, Rock fez uma piada envolvendo a esposa de Smith, a atriz Jada Pinkett Smith. Jada já enfrenta há anos a alopecia, uma doença autoimune que ocasionou sua perda de cabelo (e motivo da fala de Chris Rock). Com isso, o protagonista de King Richard subiu ao palco e desferiu o tapa em Chris; posteriormente falando para o apresentador "tirar o nome" de Jada "da boca".


Pouco tempo depois, Will Smith foi chamado como vencedor da categoria de "Melhor Ator", e o artista pediu desculpas à Academia pelo ocorrido. De acordo com o que foi noticiado pela imprensa norte-americana, o tapa não foi encenado.




2- Beyoncé apresenta canção "Be Alive", indicada ao Oscar, ao lado da filha Blue Ivy


A cantora Beyoncé também fez sua contribuição para King Richard no Oscar. A artista premiada apresentou a canção Be Alive, trilha sonora do filme, em performance gravada com dançarinos e uma pequena orquestra. Para completar, a apresentação de Beyoncé teve participação da filha da cantora, Blue Ivy, e das atrizes Saniyya Sidney and Demi Singleton, que interpretam as tenistas Venus e Serena Williams no longa-metragem.


Be Alive concorreu na categoria de "Melhor Canção Original" na cerimônia deste ano.




3- Troy Kotsur se torna o 1º homem surdo a vencer uma estatueta no Oscar


Além de CODA ter vencido como "Melhor Filme" e em "Melhor Roteiro Adaptado" , o ator Troy Kotsur também fez história no Oscar 2022. Nisso, Troy se tornou o primeiro homem surdo a vencer o prêmio, como personagem coadjuvante em CODA. O ator recebeu o prêmio das mãos de Youn Yuh-jung, atriz sul-coreana que venceu um estatueta pela sua atuação no longa Minari.


CODA: No Ritmo do Coração também fez com que a Apple recebesse um título importante no mundo do streaming. Agora, a Maçã é detentora do primeiro filme da história, vindo do stream, a ganhar o prêmio de "Melhor Filme" no Oscar. A Apple TV+ conseguiu superar a Netflix, por exemplo, que era favorita da premiação pelo longa Ataque dos Cães.



4- "Duna" é o filme mais premiado da noite, com seis vitórias de dez indicações


O gênero de ficção científica foi vitorioso no Oscar 2022, e tudo graças a Duna: filme de Denis Villeneuve que havia recebido dez indicações ao todo. Com o prêmio de domingo, a produção ganhou em seis categorias — Fotografia, Edição, Direção de Arte, Efeitos Visuais, Som, Trilha Sonora Original — e foi condecorado como o longa mais premiado da edição.



Em outras categorias em que Duna estava indicado, como Melhor Figurino, quem saiu com o troféu foi Cruella (Disney). O projeto com Timothée Chalamet e Zendaya também concorria em Melhor Roteiro Adaptado, por exemplo, e perdeu para CODA.



5- Ariana DeBose completa temporada de premiações como "Melhor Atriz Coadjuvante"


Apesar de Amor, Sublime Amor não ter vencido tantas categorias, a atriz Ariana DeBose colocou seu nome na história do Oscar. Ariana ganhou a estatueta de Melhor Atriz Coadjuvante pela sua performance no longa, e ela trilha o passo dado por Rita Moreno anos atrás na premiação de 1962; a atriz porto-riquenha venceu na mesma categoria.


Pelas redes sociais, Ariana comemorou a vitória conquistada após uma boa temporada de premiações. Vale lembrar que DeBose foi premiada com um BAFTA, um Globo de Ouro e um SAG Awards nos últimos meses.




Leia também:

The First Lady: Atriz Viola Davis aparece idêntica a Michelle Obama em pôster da série
Homem-Aranha: Andrew Garfield e Kirsten Dunst vão voltar para os filmes da Marvel?


Quer ficar por dentro de várias notícias sobre a cultura pop, cinema, séries, tecnologia, um pouco de mistério e muito mais? Acesse o nosso Instagram para ficar por dentro do assunto!

Tags: