top of page

neonews, neoriginals e ClasTech são marcas neoCompany. neoCompany Ltda. Todos os direitos reservados.

  • LinkedIn
  • Youtube

neonews, neoriginals e ClasTech são marcas neoCompany.

neoCompany ltda. Todos os direitos reservados.

Entre em contato com o neonews

Tem alguma sugestão de pauta, eventos ou deseja apenas fazer uma crítica ou sugestão, manda um email pra gente.

  • Foto do escritorRedação neonews

Como o Marvel Studios corrigiu um erro de continuidade em Homem-Aranha: De Volta ao Lar

A correção do erro de continuidade em Homem-Aranha: De Volta ao Lar que intrigava os fãs da Marvel


homem de ferro, homem aranha e o abutre

(Foto: Divulgação)

O universo cinematográfico da Marvel é conhecido por sua complexa teia de narrativas interconectadas, mas até mesmo os maiores estúdios cometem erros de continuidade de vez em quando. Recentemente, o Marvel Studios reconheceu e corrigiu um erro notório que intrigava os fãs em relação ao filme "Homem-Aranha: De Volta ao Lar".


Em "Homem-Aranha: De Volta ao Lar," os fãs notaram uma discrepância notável em relação à linha do tempo do Universo Cinematográfico da Marvel. Após um flashback que revela a transformação de Adrian Toomes no Abutre, o filme avança oito anos no tempo. No entanto, essa mudança no tempo não fazia sentido, já que a Batalha de Nova York, evento chave dos "Vingadores," ocorreu em 2012, enquanto o filme do Homem-Aranha estrelado por Tom Holland se passa em 2016, apenas quatro anos depois.


Essa diferença de quatro anos deixou os fãs intrigados e questionando a coesão do MCU. Felizmente, o Marvel Studios ouviu as preocupações dos fãs e tomou medidas para corrigir essa discrepância.


Para resolver esse problema de continuidade, o Marvel Studios lançou o livro "The Marvel Cinematic Universe - An Official Timeline," que estabeleceu uma nova linha do tempo oficial para o MCU. Neste livro, o flashback de Toomes foi situado na primavera de 2012, antes dos eventos de "Homem-Aranha: De Volta ao Lar," que aconteceram quatro anos depois, no outono de 2016.


No entanto, o Marvel Studios não parou por aí. Eles introduziram um toque de humor ao explicar o erro, recrutando o personagem Miss Minutes, de "Loki", para esclarecer a situação. Em uma passagem do livro, Miss Minutes diz: "Alerta de linha vermelha! Olá de novo! Adrian Toomes diz que a Batalha de Nova York foi há oito anos, mas esse evento foi apenas quatro anos antes. Este é um verdadeiro problema para nós - acho que um analista perdeu o arquivo do caso."


Essa abordagem criativa não apenas resolveu o erro de continuidade, mas também acrescentou um toque de diversão e autenticidade ao MCU.


A correção desse erro de continuidade é um exemplo do compromisso do Marvel Studios em manter a coesão e a integridade do Universo Cinematográfico da Marvel. Os fãs podem continuar desfrutando das aventuras dos super-heróis favoritos sem se preocupar com inconsistências na linha do tempo.


Em resumo, a correção do erro de continuidade em "Homem-Aranha: De Volta ao Lar" demonstra como a Marvel leva a sério a narrativa e a experiência dos fãs, garantindo que cada filme e série se encaixe perfeitamente no vasto e interconectado universo que eles criaram.


 

Publicidade

 

Comments


bottom of page