top of page

neonews, neoriginals e ClasTech são marcas neoCompany. neoCompany Ltda. Todos os direitos reservados.

  • LinkedIn
  • Youtube

neonews, neoriginals e ClasTech são marcas neoCompany.

neoCompany ltda. Todos os direitos reservados.

Entre em contato com o neonews

Tem alguma sugestão de pauta, eventos ou deseja apenas fazer uma crítica ou sugestão, manda um email pra gente.

  • Foto do escritorRedação neonews

Sofia Coppola revela razões para recusar dirigir 'A Pequena Sereia' e 'Crepúsculo: Amanhecer

Sofia Coppola revela obstáculos criativos em projetos de Hollywood: As razões por trás de suas escolhas de não dirigir Blockbusters populares


Sofia Coppola

(Foto: Divulgação)


A renomada cineasta Sofia Coppola abriu o jogo sobre suas razões para não dirigir o live-action de "A Pequena Sereia" e o encerramento da saga "Crepúsculo: Amanhecer — Parte 2". Em uma recente entrevista à Rolling Stone, Coppola revelou detalhes intrigantes sobre suas experiências nas negociações com os estúdios.


No caso de "Crepúsculo", Sofia Coppola expressou sua hesitação quanto à trama, especialmente em relação ao elemento do lobisomem e o bebê, considerando-os estranhos demais para seu gosto. No entanto, ela viu potencial para criar um romance adolescente-vampiro intrigante nos filmes anteriores, mas sentiu que o último capítulo estava distante demais de sua visão.


Já em relação ao live-action de "A Pequena Sereia", Coppola estava realmente envolvida no projeto, mas uma conversa frustrante com um executivo da Disney levou ao seu afastamento. O executivo questionou como atrair um público masculino adulto para o filme, deixando Coppola sem palavras.


As diferenças criativas e as barreiras nas negociações levaram a renomada cineasta a não dirigir esses filmes populares. No entanto, os fãs podem esperar seu próximo projeto, uma cinebiografia de Priscilla Presley, com lançamento previsto para dezembro.


 

Publicidade

 

Comments


bottom of page