top of page

neonews, neoriginals e ClasTech são marcas neoCompany. neoCompany Ltda. Todos os direitos reservados.

  • LinkedIn
  • Youtube

neonews, neoriginals e ClasTech são marcas neoCompany.

neoCompany ltda. Todos os direitos reservados.

Entre em contato com o neonews

Tem alguma sugestão de pauta, eventos ou deseja apenas fazer uma crítica ou sugestão, manda um email pra gente.

  • Foto do escritorRedação neonews

Quais foram as 5 coisas que aconteceram pela primeira vez em 2022?

De bactéria gigante até avanços sociais, veja os marcos históricos que aconteceram neste ano


Multidão de pessoas

(Foto: Divulgação)


O ano de 2022 foi marcado por descobertas e acontecimentos impressionantes! Confira alguns marcos históricos que ocorreram e que você provavelmente não sabia!



Nasa desvia um asteroide


Em setembro, a Nasa foi responsável por conseguir mudar o percurso de um asteroide, atingindo-o com uma espaçonave.


O objetivo dessa colisão foi testar se essas rochas podem ser desviadas com segurança, e o resultado foi positivo.


(Foto: Divulgação)


 

O mundo atingiu a marca de 8 bilhões de pessoas


Em 15 de novembro, a população mundial passou a marca de oito bilhões de pessoas, devido ao aumento da expectativa de vida, melhorias na medicina, higiene pessoal e nutrição, além das altas taxas de fecundidade em alguns países.

Segundo a ONU, levará, no mínimo, 15 anos para atingir o próximo bilhão, por conta da diminuição da taxa de natalidade no geral.


(Foto: Divulgação)


 

Bactérias vistas sem microscópios


Em junho, foi divulgada a descoberta da maior bactéria do mundo, não sendo necessária a utilização de um microscópio para enxergá-la.


Com cerca de 1 centímetro de comprimento, Thiomargarita magnifica é 50 vezes maior do que todas as outras bactérias já vistas, com o tamanho e formato semelhante a de um cílio humano e a única que pode ser vista a olho nu.

(Foto: Divulgação)


 

Publicidade

 

Uma Copa do Mundo diferente


Essa copa foi marcada por uma série de acontecimentos inéditos.


Primeiramente, foi a primeira edição a ser sediada por um país árabe ou muçulmano, o Catar.


Além disso, foi a primeira vez que o principal árbitro de uma partida foi uma mulher. A francesa apitou o jogo da Alemanha e Costa Rica, na fase de grupos, e sua equipe inteira foi formada por mulheres, com as assistentes Neuza Back, do Brasil, e Karen Medina, do México, fazendo história no futebol.


Outro acontecimento marcante foi a chegada de Marrocos às semifinais, marco nunca atingido antes por um país africano e árabe.


(Foto: Divulgação)


 

Primeira pessoa não binária nas olimpíadas


Timothy LeDuc foi a primeira pessoa não binária a competir nas Olimpíadas de Inverno, que ocorreu em fevereiro em Pequim, na China.


Mesmo terminando em sétimo lugar na prova de duplas, com Ashley Cain, LeDuc fez história e se tornou um grande símbolo no mundo e no esporte.


(Foto: Divulgação)


 

Publicidade

 



Comments


bottom of page