top of page

neonews, neoriginals e ClasTech são marcas neoCompany. neoCompany Ltda. Todos os direitos reservados.

  • LinkedIn
  • Youtube

neonews, neoriginals e ClasTech são marcas neoCompany.

neoCompany ltda. Todos os direitos reservados.

Entre em contato com o neonews

Tem alguma sugestão de pauta, eventos ou deseja apenas fazer uma crítica ou sugestão, manda um email pra gente.

  • Foto do escritorRedação neonews

Hollywood celebra o fim da greve dos atores

Após 118 dias de paralisação, SAG-AFTRA e estúdios chegam a acordo histórico para o fim da greve dos atores


greve dos atores de hollywood

(Foto: Divulgação)


Finalmente, a espera parece ter chegado ao fim para os amantes do cinema e da televisão. Segundo o Deadline, a greve dos atores em Hollywood está prestes a ser encerrada, trazendo alívio para a indústria do entretenimento que estava em suspenso há mais de quatro meses.


Na noite de 8 de novembro, após intensas negociações, o Sindicato de Atores de Hollywood (SAG-AFTRA) e os estúdios, representados pela Alliance of Motion Picture and Television Producers (AMPTP), alcançaram um acordo preliminar que pode marcar o retorno das produções hollywoodianas em breve.


O Comitê do SAG-AFTRA ratificou o acordo por unanimidade, anunciando o fim da greve às 00h01, horário do Pacífico, em 9 de novembro. Embora os detalhes do acordo ainda estejam envoltos em mistério, a expectativa é que as novas cláusulas se tornem públicas nos próximos dias, quando o sindicato submeterá o contrato à aprovação da diretoria nacional na próxima sexta-feira, 10 de novembro.


Um dos pontos cruciais das últimas negociações envolvia o uso de inteligência artificial nas produções, gerando tensões entre as partes. A entrega, no último sábado, pela AMPTP, daquilo que descreveram como a "última, melhor e final proposta", sinalizou a urgência de um acordo, destacando que a ausência de consenso adiaria as discussões para o próximo ano, impactando ainda mais o já comprometido calendário de lançamentos de Hollywood.


A greve não apenas paralisou as filmagens de diversos projetos com atores do SAG, mas também impediu a participação desses profissionais em eventos de imprensa para filmes já concluídos. A pressão adicional veio dos roteiristas, que iniciaram uma greve em maio, mas alcançaram um acordo para a revisão de contratos em outubro, permitindo a retomada de algumas produções.


A indústria do entretenimento agora aguarda com expectativa a aprovação final do acordo, ansiosa pelo retorno das luzes, câmeras e ação que tornaram Hollywood sinônimo de magia cinematográfica. O fim da greve dos atores é mais do que um alívio; é um renascimento para uma indústria que anseia continuar contando histórias que cativam e emocionam o público em todo o mundo.

 

Publicidade

 


Comentários


bottom of page