• Branco Twitter Ícone
  • Branca Ícone LinkedIn
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca ícone do YouTube
  • Branca Ícone Instagram
 
Publicidade

Entenda a importância do atendimento humanizado e relação empática com cliente

Atualizado: 19 de ago. de 2021




Quando se fala em atendimento ao cliente logo nos vem a mente as horas intermináveis no telefone falando com um robô. Todo mundo já passou por isso, e muitas vezes soltou a frase "Eu só quero falar com uma pessoa!". Pesquisas revelam que 67% dos consumidores já desligaram o telefone por não conseguir falar com um humano. Dado esses resultados, algumas empresas passaram a adotar o atendimento humanizado.


O atendimento ao cliente feito por pessoas cria algo que nenhuma inteligência artificial consegue: empatia. O cliente passa a se sentir mais próximo da empresa, e vice-versa, e os dados não me deixam mentir: 80% dos consumidores preferem ser atendidos por uma pessoa ao invés de algum serviço automatizado.


Ser atendido por uma pessoa mostra resultados satisfatórios para ambos os lados, possibilitando que seja criado de fato uma relação cliente-empresa. Segundo dados da Zendesk, 75% dos

clientes preferem empresas que possuem uma boa experiência com o cliente.





E não são apenas as pesquisas que dizem a importância de um atendimento humanizado, grandes líderes também, como o Vice-presidente de parcerias estratégicas globais da Klaviyo, Rich Gardner, que diz: “O engajamento do cliente nem sempre envolve novas vendas. A melhor maneira de engajar seus clientes é desenvolver uma experiência on-line baseada na empatia do cliente. Descubra com que seus clientes se preocupam e desenvolva comunicações significativas em todos os seus canais on-line e que reflitam como você construiria pessoalmente um relacionamento com um cliente”.


Para a neoCompany, empresa de tecnologia que atua no mercado a mais de 15 anos, investir em um atendimento humanizado não é novidade e sempre fez parte de sua cultura. Carregando como slogan "Atender bem é fazer amigos", a empresa faz questão de destacar a importância em valorizar a relação com seus clientes e parceiros, para além de um atendimento que siga só as cordialidades básicas.


Ter especialistas no seu time de atendimento é o passo inicial, mas deve-se atentar ao treinamento desses profissionais para que o padrão na humanização e qualidade do atendimento se tornem parte do cerne da empresa.


O investimento no pós venda é tão importante quanto em todas as etapas, o especialista em Custom Service da neoCompany, Alexandre Ramos, destaca que "Dar atenção ao que os clientes falam é o principal no atendimento, ouvi-los, entender que do outro lado existem outros seres humanos e não apenas um negócio a ser feito ou mantido. A empatia no nosso atendimento, o respeito, e a preocupação em sempre melhorar, tem sido um grande diferencial para neoCompany em todos esses anos, e eu escuto isso diariamente dos nossos clientes."





Num momento em que a tecnologia se expande e toma conta de muitas relações humanas, prestar atenção em como seus clientes estão se sentindo em relação ao seu atendimento é fundamental.


O CO-CEO da neoCompany, Thiago Martins, confirma essa preocupação, "É essencial para nossa empresa o bem estar e a satisfação dos nossos clientes, para além da qualidade de nossos produtos e serviços, valorizamos imensamente o atendimento, e como eu costumo dizer, um bom produto é porta de entrada, mas um bom atendimento é o que fideliza a relação entre os clientes e a empresa, em outras palavras, o produto abre portas mas quem as mantém abertas é o serviço, ou seja, as pessoas."




*Conteúdo patrocinado pela neoCompany